terça-feira, 17 de agosto de 2010

17, com cara de 14.

É interessante o jeito como as faces das pessoas podem nos enganar quanto a idade que elas têm. Há pessoas que aparentam ser mais novas do que são, e o vice-versa é o mais comum.

Tenho 17 anos, mas muitos não acreditam que tenho essa idade. Acham que eu tenho 14, no máximo 15. No cinema, me pedem a carteira de idade quando vou assistir filmes de censura 16 anos. No colégio pensam que sou do 1º ano. Acho que o que contribui para isso é a minha estatura. Não sou alta, nem tenho "corpão".

Conheço inúmeras gurias da mesma idade que eu, e muitas até mais nova, que aparentam ter de 18 a 20 anos, e gostam de serem vistas como mais velhas. Usam roupas que acentuam essa aparência, e se comportam como tal. Posso confessar uma coisa? Eu não acho isso legal. Amadureceimento precoce na imagem não significa amadurecimento de ideias e pensamentos. Vejo muitas dessas garotas fazendo inúmeras besteiras, retratando claramente que não cresceram.

Hoje eu fico feliz por aparentar ser assim, "novinha". Espero continuar parecendo mais nova do que sou quando eu envelhecer, mais acima de tudo, fico grata por ter uma mente mais "velha" para poder ter consciência de que não é nada ruim aparentar anos a menos. Sou uma jovem idosa. Não sou velha de imagem, mas de pensamentos.

Um comentário: