segunda-feira, 26 de julho de 2010

Uma hora a maré tem que recuar.



Cheguei de férias na semana passada, e percebi o quanto amadureci em relação aos anos passados. A última vez que fui a esse lugar foi a 3 anos e meio atrás. Eu conheço esse lugar desde que nasci, aliás, pensava conhecer.

Eu sempre me julguei saber sobre tudo e todos, mas a realidade era bem diferente. Deixava-me levar mais pelas más impressões do que pelas boas, desde a minha infância eu agia assim. Agora não. O que eu pensava ser meu pesadelo, virou meu maior sonho. A vida é feita disso.

Sinto-me grande como pessoa, como cidadã, como Giovanna. Sinto-me feliz por poder observar e sentir com mais fervor as coisas boas. Sinto-me feliz por ter voltado de uma maneira nova. Sinto-me feliz por as pessoas terem uma melhor impressão sobre mim. Sinto-me feliz por a maré brava ter recuado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário